Alimentos PANC

PANC é a sigla para Plantas Alimentícias Não Convencionais

Mil Folhas ou Novalgina

Janeiro/18 - Na sede localizada na Serra da Canastra, totalmente com energias limpas e renováveis, a ONG Verde pretende incentivar o plantio e o consumo de PANC (plantas alimentícias não convencionais), através do Projeto Horta Solaris.

O termo “não convencionais” significa que essas plantas alimentícias não são produzidas ou comercializadas em grande escala, cujo cultivo e uso podem até cair no esquecimento.

Diversas plantas não convencionais eram consumidas por nossos antepassados e algumas estão presentes ainda hoje na cultura culinária, como por exemplo, o ora-pro-nóbis (Pereskia aculeata) e a serralha (Sonchus oleraceus), de fácil plantio, e que fazem parte de pratos típicos mineiros com grande valor nutricional.

ONG inicia plantio com capuchinha, peixinho e mil-folhas

Mil Folhas ou Novalgina

A ONG Verde pretende com o Projeto Horta Solaris, resgatar o uso dessas e de outras PANC como forma de preservar e de difundir o conhecimento popular sobre o uso de plantas não convencionais e que, muitas vezes, são taxadas de “mato”, “pragas” e até de “venenosas”, caso da urtiga (Urtica dioica).

Seguindo essa linha, a ONG Verde já iniciou horta alternativa com o plantio da capuchinha (imagem), do peixinho e da novalgina, também conhecida como mil-folhas.

A capuchinha (Tropaeolum majus) possue as folhas, as flores e as sementes comestíveis. O sabor é extremamente picante, similar ao da rúcula e do agrião e pode ser usada em molhos, saladas, pestos e omeletes. É uma planta de cultivo simples.

Peixinho ou orelha-de-coelho

Peixinho ou Orelha-de-Coelho

Outra PANC muito utilizada pelas comunidades vegetariana e vegana (dependerá do modo de preparo) é o lambari-da-horta, orelha de coelho ou de lebre (Stachys byzantina), cujas folhas suculentas e nutritivas pode-se fazer lasanha, massas e até risoto.

Folhas empanadas e fritas

Mil Folhas ou Novalgina
Servidas como petisco, empanadas e fritas, possuem formato de um lambari frito e são muito saborosas – alguns degustadores afirmam que têm gosto de peixe. O cultivo exige solo fértil e pleno sol, é considerada planta ornamental.

O lendário Aquiles foi mergulhado na mil-folhas para se fortalecer

Mil Folhas ou Novalgina
A mil-folhas ou novalgina (Achillea millefolium) é uma planta que apresenta pequenas folhas divididas em vários segmentos e odor parecido ao da cânfora. Pertence à família Asteraceae e é originária da Europa.

É cultivada em quase todo Brasil e também conhecida por aquiléia, erva de carpinteiro, erva-dos-carreteiros, mil-em-rama, mil-folhada, prazer-das-damas, dentre outras.

A mitologia grega diz que Aquiles – exceto o calcanhar – foi mergulhado nessa planta para se fortalecer e ficar se tornar poderoso.

Devido às suas propriedades medicinais da mil-folhas, o chá pode ser usado para prevenir e tratar diversas doenças.


Guia prático PANC, em PDF

Alimentos PANC
A ideia é de incentivar o plantio e o consumo dessas e de outras plantas, como forma de agregar ainda mais valor a um projeto que só trabalha com o plantio orgânico, além de promover a qualidade, a segurança alimentar e nutricional, inicialmente, de alunos da Escola Municipal Maria do Carmo Picardi e da comunidade na qual está inserida, em São Sebastião dos Cabrestos, Vargem Bonita.

Clique no link abaixo e faça o donwload do Guia Prático PANC e leia mais informações sobre essas interessantes plantas comestíveis que, geralmente, não são encontradas nos sacolões e em supermercados convencionais.

Confira a Cartilha PANC em PDF

Fontes: Curadoria de Plantas e Textos: Guilherme Reis Ranieri

Instituto Kairós; SVMA- Divisão Técnica de Unidades de Conservação e Proteção a Biodiversidade e Herbário; Prefeitura M. de São Paulo